domingo, 13 de março de 2011

SALADA POÉTICA - II




*******************************************************



Participação da SUZILEY do blog


A beleza da poesia


A arte é comunicação
E o poeta compreende a sua missão
Nas letras nascidas do seu coração
Tocado pela emoção
Compõe com inspiração
Embeleza o dia, a noite
Deixa seus passos pelo chão
Transmite a sua percepção
Comunica a força do seu ser
Sentimentos sentidos, vivenciados
O mundo ganha forma e se recria
Nas mãos habilidosas do artista
Eterna magia
A escrita da poesia
Que nesse dia
O sol brilhe bem alto
Beleza que irradia
O dia da poesia
Se há o belo e o bom
Haverá sempre o artista, o poeta
Maravilha que anuncia
Salve a poesia!!

Suziley



*******************************************************

Participação da EVANIR do blog
fonte-amor.zip.net 

Hoje é dia do poeta.

Uma homenagem
vou ter que fazer
To com frio esquesito
Nunca fiz nenhum rabisco
Pra homenagiar ocê .


O desafio esta duro.
Todo poeta
Fala de amor
è o que vou fazer.
Eu tinha um namorado
Que andava fardado
pois policial ele era.
mais a farda de soldado
sempre encantou as mulheres.
Numa noite traiçoira
Ele se encantou
Com uma loira faceira
E me deu um ponta pé.


Quando fiquei sabendo
fiz uma trouxa das farda
chorando feito criança
madei ele passear.
E de raiva dessa encrenca
eu também fiz minha trouxa
Fui mora com um chipazé
e não é que estou feliz?
Agora só como banana
mais sou feliz com o Xipa.
Respeite meus direitos Autorais.
Evanir .

*******************************************************



Participação da NORMA EMILIANO do blog
HOJE,  APENAS UM SONHO

No despertar, sentimentos se fazem presentes.
No sonho, rodopios dançantes.
Sinto o hálito em minha face,
Em meus olhos seus olhos presentes.
Tempo longínquo no aqui e agora.
Encanto de tanto amar
Amor jovem e avassalador
Na imagem de um sonho arrebatador.
Dança interrompida.
No despertar, a lembrança.
Do afastamento sem retorno
Retorno que teima em sonho.
Norma Emiliano



*******************************************************

Participação da TERE CORDEIRO  do blog

Noites magicas!

As noites me levam a uma melâncolia cruel
tudo parece amargar como fel,
tento dormir mas o sono não vem
os pensamentos voam, como uma frase qualquer num papel.

Das noites tiro lições belissimas
algumas foram uma delicia
como se fossem se eternizar
dentro do peito de quem amar.

Eternas são as lindas lembranças
da vida magica como criança
de onde vem nossa esperança.

Foram noites com belas luas
também pra todos que estão nas ruas
sendo os donos daquelas luas.

Terê cordeiro
12/03/2011.

*******************************************************


Participação da ROSELIA BEZERRA



C onfabulações...
O lhos penetrantes
N ada de comodismo
F eliz de quem fica a contemplar
R egras, sem cinismo,

A tenções a repensar
T ernura nas relações fraternas

E sperança no julgar
R espostas aos corações
N inguém merece ser tido como indigente
I ndignações...
Z ás trás! Num piscar de olhos
A brir horizontes 

C omo provar nosso valor?
A té para nós mesmos
O pensar fica delirante.

P rofundos e honestos
O rgulho dos seres humanos
E ngendrados, satisfaz
Tempo interior festivo
I ndício de novos afetos
C onquistando os desafetos
A não poder mais arriscamos
S alvem-nos, os poetas da paz!


*******************************************************



Participação da ELCIO TUIRIBEPI  do blog

COLHEITA DA ALMA

A QUEM COLHER NA ALMA MINHAS PALAVRAS
DEDIQUE AOS VERSOS SENTIMENTO E UM NOVO SOL
DEIXE A BRISA NOS LEVAR DE ENCONTRO AO VENTO
APRECIE SEM TER PRESSA COM ENCANTO O GIRASSOL

A QUEM COLHER NA ALMA MINHAS PALAVRAS
CEDA AOS VERSOS O QUE O FAZ TÃO VEEMENTE
QUE SEJA INTEIRO O SENTIMENTO EM FARTURA
PRA QUE RENASÇA NO AMANHÃ INTENSAMENTE

A QUEM COLHER NA ALMA MINHAS PALAVRAS
SEJA AOS VERSOS COMPREENSÃO IMENSURÁVEL
DEIXE O ESPÍRITO IR ALÉM DO ABRANDAMENTO
DEIXE A ALMA SER DO CORPO UM INSTRUMENTO

A QUEM COLHER NA ALMA MINHAS PALAVRAS
SEMEIE AOS VERSOS A INOCÊNCIA DA CRIANÇA
QUE DOE AO SONHO UM HORIZONTE ENVOLVENTE
QUE SEJA BRILHO A LUZ QUE COLHE A ESPERANÇA

A QUEM COLHER NA ALMA MINHAS PALAVRAS
PEÇA AOS VERSOS CARINHO PLENO E ACONCHEGO
QUE TE INVADA SEM BATER NA PORTA A SUTILEZA
COLHENDO SEM ALARDE A TERNA COR DO MEU APEGO

ELCIO TUIRIBEPI

*******************************************************


Participação da THAÍS  do blog
 http://desejosepoemas.blogspot.com/



Poemas para desabafar, se declarar, abrir o coração ou então lavar a alma.
Escrevo porque preciso por pra fora tudo que me domina e toma conta do meu ser.
Escrevo porque assim consigo sonhar mais alto e quem sabe consiga também alçar o meu tão sonhado vôo.
Escrevo porque as angustias que me afligem saem da minha mente e penetram no papel, me deixando assim, mais leve.
Escrevo porque aqui tenho uma chance de falar o que não sai quando tento abrir a boca.
Escrevo porque em mim não tem mais espaço, meus sentimentos ocupam todo o espaço que estava livre a pouco.
Escrevo enfim porque ao fazê-lo consigo entender um pouco do que se passa aqui dentro e  assim me sinto mais leve.

Thais S. Vicente 12/03/11

*******************************************************



Participação da DENISE do blog

http://baliar.blogspot.com/



MINHA SÍNTESE

Um dia, um prazo
que soou como uma promessa
a desabrochar como uma flor
- o sim que consente a entrada,
que acolhe e alimenta o amor!
Prazo que um dia uniu
noutro,  se esgota
e  com uma braçada de flores
- vermelhas
se despede,
como a paixão que floriu
no ritmo de um salão hoje vazio!

Denise Araujo

*******************************************************

Participação da RODOLFO BARCELLOS do blog


PARA UMA NAMORADA DISTANTE

Tu és meu sol, minha brisa,
Estrelas, chuva e mar,
Perfume de primavera,
Meu arco-íris, meu lar.

Tu és a realidade
E a fantasia, também;
És toda a minha verdade
Meu amor, ciúme e bem.

Rodolfo Barcellos, 13/03/2011

*******************************************************

Participação da CARLA FERNANDA do blog


Revelação
Suas faltas revelaram minhas sobras.
Precisamos nos vencer.
Como ontem, muitas vezes.
E hoje, quem sabe?
Tudo tão incerto.
Venceremos amanhã e sem ensaio.
Se faltar ou se sobrar,
Sou a luz do seu olhar.
Seu amor é o que me importa
Volta logo pra ficar. 
(Carla Fernanda)

*******************************************************
Participação do VAN do blog



Sentir


Delicado é o sentir
Abstrato, imaterial
Contrasta a força
do construir
Algo vivo e tão real

Neste campo intocável
Vê-se nítido, sem retina
Sem o tato é tão palpável
Se intenso nos alucina

Universo imenso e denso
Em cada um como lhe é propenso
Uns o tem todo exposto
Outros o escondem não por gosto

Sinto muito o sentimento
Sinto tanto e sem tormento
Sinto até quando não sinto
Este enorme encantamento

Van

*******************************************************

Participação do Xipan Zeca do blog




Eu num vô Ca sua cara
Iocê num vai caminha
Conto um verso arretado
Procê ficar adoidado
Mas se tu qué adiscurpa
Adescurpá sou Obrigado
Venha ocê tudo vestido
Quêu vô meRmo é pelado.

*******************************************************

Participação do LETÍCIA NUNES do blog





Novas Flores

Encantadoras flores nos embriagam com alucinantes aromas, formas e cores
Botões misteriosos ao nascer
Abertas inspiram, enaltecem
Murchas atraem para si desilusões.

Deveria ser o universo feito de flores
Assim deixaria de lado a cara escura, fria e silenciosa.
Constelações floridas brindariam a nós perfumadas noites de múltiplos tons.
Ah! Que lindas seriam as longas e renovadoras madrugadas, se, animadas fossem por abelhas estreladas.

 Letícia Nunes


*******************************************************

Participação do SILENE do blog


http://cantinhodasilene.blogspot.com/

Os dias de Você...



Ontem...
Rasguei os sonhos em que você vivia
Te acordei do sono que você dormia
Fechei as portas e janelas por onde você "vinha"
Desfolhei as flores que antes você sorria
Sequei a chuva que de você chovia
Abandonei na estação as bagagens que lhe pertencia
Hoje...
Não sonho e nem vejo você que dizia
Nem nascem flores por onde você viria
Carrego somente o que me alivia
Amanhã...
Novos sonhos... nova casa!
Um novo jardim "quem diria"!
Chuva ácida de estrelas de noite
Cartas que chegam de dia
Vivo agora o Amor que eu sentia...

Sil - Cantinho da Silene


*******************************************************

22 comentários:

Majoli disse...

Me desculpe querido Tatto, mas eu li por completo, por enquanto só a participação do macaco.
E eu me apaixonei por essa poesia.
Eita que coisa mais linda sô.

Eu num vô Ca sua cara
Iocê num vai caminha
Conto um verso arretado
Procê ficar adoidado
Mas se tu qué adiscurpa
Adescurpá sou Obrigado
Venha ocê tudo vestido
Quêu vô meRmo é pelado.

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

A
D
O
R
E
I
I
I
I
I

huahuahuahua
Você é o MÁXIMOOOOOOOOOOOOOOO
Uiaaaaaaaaaaaa

Beijos de linda noite.
Amanhã, quando chegar do trabalho, venho ler todas as participações. agora eu tô rindo demais, não vou conseguir.
hehehehehe
Inté manhã querido.

Suziley disse...

Hehehe...êta macaco poético....hehe!! Beijos, boa semana a todos!! :)

Elcio Tuiribepi disse...

Olá amigo...

essa festança tá boa
Mas tenho de trabaiá
vou tomar café com broa
pra depois me pirulitar

Um abraço na alma...parabéns aos participantes...

Valeuuuuu...

JGCosta disse...

Ficou 10 amigo, não tem outra nota para dar ao esforço do amigo!

Parabéns novamente, espero que dessa salada resultem novas ótimas amizades tal a do amigo!

Grande abraço renovado!

Amapola disse...

Querido amigo Tatto.

São poesias lindas... As suas, eu li e reli, porque são gostosas demais.

Beijos no coração.

Thais. disse...

Olha eu ali *-*
Cada coisa linda Tatto!!!
Adoreii!
Vc ta de parabéns pela iniciativa e todos os poetas tbm, cada qual escrevendo a sua maneira e de forma tão cativante, gostei muito!
Que isso se repita mais vezes!
Beijos tenha uma ótima semana!

Anne Lieri disse...

Tato,mas vc tem amigos que não acabam mais!Parabéns por esta postagem e tanta poesia lindona no seu blog!A sua está uma graça!Bjs,

Lu Souza Brito disse...

Ahahahha, esse macaquinho tá arretado mesmo nas poesias.
Tatto, esta blogosfera tá danada de poética hoje, tá não? Parabéns pela iniciativa viu?
Beijoooooos

orvalho do ceu disse...

Olá, Zeca
Obrigado pela oportunidade de me juntar A tantos e tantas pessoas criativas... estou bem feliz!!!
Ressalto que o: SALVEM-NOS, OS POETAS DA PAZ é o meu defecho e não faz parte do acróstico, tá???
OBRIGADO PELA OPORTUNIDADE DE PASSAR ESSE DIA BEM À VONTADE E CHEIO DE ENCANTO POÉTICO...
Tenha um dia cheio de sentimentos poéticos!!!
Abraços fraternos e festivos pelo dia de hoje

Déya disse...

Hahahaha...
Sua participação foi um máximo.
E no geral palavras belissimas.
Mas a de 'Rodolfo' vamos combinar..
Linda!
beijos poéticos moço
quiridu de todos...

R. R. Barcellos disse...

- Tatto, meu caro poeta em pele de símio, permita-me uma observação:
- Rosélia, do Orvalho, fez um lindo acróstico, e os acrósticos, para serem devidamente apreciados, precisam de uma formatação especial:
1- Fontes não proporcionais, como a "Courier";
2- Alinhamento à esquerda, e não centralizado;
3- Primeira letra de cada verso destacada, em negrito ou em cor diferente.
- Experimente... vai ficar jóia.
- E parabéns a você e a todos os participantes. Abração.

Denise disse...

Honrada, vou ter que voltar algumas vezes pra ler a todas as participações.

Gostei de brincar de poeta...rs...ficar junto com tantos talentos é u melhor presente neste dia especial, DELES, os poetas.

Um bjo, a-mico!

* Parabenizo a todos os participantes!!!

AyméeLucaSs disse...

Tatto,
Esta aqui eu adorei:
Eu num vô Ca sua cara
Iocê num vai caminha
Conto um verso arretado
Procê ficar adoidado
Mas se tu qué adiscurpa
Adescurpá sou Obrigado
Venha ocê tudo vestido
Quêu vô meRmo é pelado

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Se oce vié pelado
Da porta oce nao passa
Vai vesti logo aquela carça
pra mode faze aspaz
Chega de macaco mimado!
kkkkkk

Parabéns para a poesia do Elcio Tuiribepi, gostei por demais!

Tere Cordeiro, linda a sua poesia. Quantas noites ja vivi assim. Me fez relembrar a infancia. Parabéns.
Para todos os poetas, esta chuva de poesia, nos lavou a alma!
Um grande abraço a todos!

Lu Cavichioli disse...

KKKKKKKKKKKKKKKKKK

Eu num vô Ca sua cara
Iocê num vai caminha
Conto um verso arretado
Procê ficar adoidado
Mas se tu qué adiscurpa
Adescurpá sou Obrigado
Venha ocê tudo vestido
Quêu vô meRmo é pelado.
********************************


"macaquinho danadinho
vem pra mó de recebê
toda essa gentaiada
que veio pra oferecê
suas prece, seus versinho

a floresta tá em festa
e ocê é um doidinho
que amamos de montão
pula de galho em galho
abrindo teu coração"
(by Lu C.)

Pra ocê, macaquinho querido!
********************************

Li todas as poesias com carinho e coloco em destaque:

RR e Norma Emiliano.

Adorei participar e inteagir com toda essa gama de poetas.
Obrigada, Tatto pela oportunidade.

beijinho da Lu C.

pensandoemfamilia disse...

Obrigada por possibilitar este compartilhar com tatas pessoas interessadas em poesia.

Parabéns pela iniciativa e pelo sucesso.
Bjs

orvalho do ceu disse...

Olá, Zeca
Nossa "salada" ficou memso uma...
Minha foto e o nome do meu blog, só agora vi, está acimma do meu acróstico... ocupando o espaço do nome da foto de outra amiga participante...
EU sou Roselia Bezerra...
Que macaquinho!!!
Vale colocar a dela, não é???
Abraços e cumprimento a todos que participaram dessa página tão carinhosa e alegre.

De tudo um pouco disse...

Tatto

dorei de um tudo...

você um poeta nato...rsrs

também li lindos poemas e poesias

e também descobri segredos

lindo...

parabéns pela iniciativa

não quis mandar o meu, senão iria te acusar de plagio

a batatinha era minha...rsrs

beijocas

Loisane

Letícia Nunes disse...

Oi Tatto!!

Muito bommm!!
Feliz dia da Poesia!!

Bjs

Van disse...

Ai que lindeza ficaram esses posts, tanta poesia linda, as do XCipan Zeca divinas rsrs

e minha humildezinha no meio, adorei tudo, a idéia tão original, a forma viva de homenagear a poesia, a generosidade, a simpatia, e todo o trabalho que você teve com esta postagem.

Valeu Zeca!

Muitos beijos em voc~e e em todos os poetas que participaram

Elaine Castro. disse...

Ei Tatto,
Desculpe ter enviado a minha poesia já na madrugada de segunda, queria ter participado, mas sabia que já estava mais do que em cima da hora.
Engaraçado que achei que você nem postou nada, porque em minhas atualizações dos blogs que sigo o seu aparecia como se a última postagem fosse a que fez os convites para a comemorção deste dia, aí hoje ao visitar o blog do Joel, que vi o link para o seu.
Não sei o que aconteceu, mas estou aqui a prestifiá-lo, demorado assim como a entrega do poema, mas antes tarde do que nunca né, rsrsrsr.
Adorei essa interação e participação tem poemas lindo aqui!!!!

Beijos.

Rosane Marega disse...

Poxa, desculpa Tatto,fiquei dodói,triste e perdi a chance ,não participei.
Mas ficou lindo demais viu.
Assim que eu sarar e ficar boazinha eu volto pra espiar melhor ta.
Beijosssss amiguinho.
atchim...

Silene Neves disse...

Oi Tatto!

Desculpe a demora para chegar aqui! Eu já tinha vindo aqui mas não tinha ainda comentado porque tava dando "error"! Acho que era muita gente te visitanto!

Quero agradecer pela oportunidade de participar desse encontro!

E dizer que ficou muito lindo e original!

Beijos e uma noite linda!

Sil

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...